• Tatiane Isaia

A estrutura de um Projeto de Trabalho, de acordo com a BNCC, no contexto do Ensino Fundamental

Como já discutido em outros artigos aqui publicados, sabemos que a Educação do Século 21 precisa primar por práticas metodológicas que possibilitem uma Educação Integral e que favoreçam a consolidação de aprendizados que tenham sentido e significado na vida dos(as) educandos(as).


Sendo assim, nós da Impare Educação, buscamos convidar os docentes a (re)estruturarem suas práticas pedagógicas a favor do desenvolvimento de competências em seus(as) educandos(as) por meio da utilização, nos espaços escolares, de Projetos de Trabalho.


Gostamos de pensar coletivamente com educadores(as) e coordenadores(as) pedagógicos(as) e de compartilhar com eles(as) Projetos de Trabalho para o Ciclo da Alfabetização (1º e 2º Ano do Ensino Fundamental) e para o Ciclo da Pós-Alfabetização (3º, 4º e 5º Ano do Ensino Fundamental), que estejam de acordo com as premissas da Base Nacional Comum Curricular.


Nossa experiência, aqui na Impare Educação, com Projetos de Trabalho já é de longa data e atualmente, essa proposta metodológica (o Projeto de Trabalho) está fortemente entrelaçada com a Metodologia de Desenvolvimento de Competências Socioemocionais da Impare, adotada em várias escolas brasileiras.


Por isso, gostaríamos de compartilhar aqui, com o escopo de auxiliar aqueles(as) educadores(as) que desejam elaborar Projetos de Trabalho para os Anos Iniciais, que estejam de acordo com a BNCC, os tópicos que devem conter um Projeto de Trabalho. Os tópicos são:


1. Temática do Projeto de Trabalho;

2. Justificativa;

3. Objetivos;

4. Atividade “Ponto de Partida”;

5. Proposições Pedagógicas – Atividades gerais que serão desenvolvidas em todo o Projeto de Trabalho;

6. Atividade de culminância;

7. Duração (previsão);

8. Competências Cognitivas e Socioemocionais;

9. Objetos de Conhecimento e Habilidades.

419 visualizações